Ex-Presidente Lula se entrega à Polícia Federal

0
157
  • Leilão Sertanópolis

O Ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregou hoje, sábado (07/04) à Polícia Federal após passar quase dois dias seguidos no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Lula saiu do sindicato a pé quase 26 horas depois do prazo que o juiz Sergio Moro havia dado para ele se entregar voluntariamente.

O Ex-Presidente foi condenado a 12 anos e 1 mês de reclusão por corrupção e lavagem de dinheiro em regime inicial fechado. O Juiz Sergio Moro proibiu que o ex-presidente fosse algemado e determinou que ele cumpra pena em uma sala reservada já preparada pela Polícia Federal, em razão do cargo já ocupado.

A decisão do Juiz aconteceu depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) negou um pedido de habeas corpus a lula e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região rejeitar embargos de declaração contra a condenação pela corte em segunda instância.

Por 6 votos a 5, ministros do STF negam habeas corpus preventivo a Lula

O ex-presidente vai ficar na Superintendência da PF em Curitiba, onde estão também os alvos da Lava Jato que negociam delação premiada.

O Petista nega ser dono do apartamento tríplex a que se refere a condenação, assim como quaisquer irregularidades, e diz ser vítima de perseguição política.

Apoiadores tetaram impedir que Lula deixasse o Sindicato dos Metalúrgicos

Uma multidão de apoiadores tentou impedir que Lula deixasse o local. Por volta das 18h45, o ex-presidente conseguiu sair da sede do sindicato onde estava desde a última quinta-feira (5) e se dirigiu ao aeroporto  Congonhas. Manifestantes gritavam palavras de ordem e frases de incentivo para o ex-presidente.

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA