SaúdeSocial

Sertanópolis em situação de alerta para o mosquito da dengue

O Município de Sertanópolis está em situação de alerta para uma epidemia de dengue. São 12 pessoas confirmadas com Dengue de Dezembro até hoje. De Janeiro até agora, são 10 casos.

A última semana triplicou o número de casos notificados/suspeitos para Dengue. Chegando a 30 casos (suspeitos) na semana.

Conforme o Wilson, enfermeiro de Epidemiologia o Município está com com incidência de casos positivos para Dengue de aproximadamente 73 casos positivos para 100.000 habitantes. Ainda conforme ele, a epidemia é quando se tem a partir de 300 casos positivos para 100.000 habitantes.

O Posto de Saúde Paulo Roberto Martins a partir de hoje, quinta-feira (28/03) começou a funcionar como referência no atendimento aos casos suspeitos de Dengue. Lá todos os casos serão notificados, feito verificação de sinais sugestivos, coleta de exame laboratorial, hidratação oral com soro, e acompanhamento da enfermagem e de médico.

O horário de funcionamento, será todos os dias das 08h00 até as 18h00 inclusive sábado e domingo.

Outra detalhe alarmante é que o vírus que está circulando em Sertanópolis é o vírus Den 2, vírus diferente de outras epidemias, o que pode fazer com que as pessoas que já tiveram Dengue, tenham novamente.

“Importante destacar para que se houver sintomas, procure o serviço de saúde, e não faça automedicação, pois há medicamentos que se a pessoa estiver com Dengue, pode levar a problemas maiores”. Disse Wilson.

Na tarde de ontem, quarta-feira, uma reunião foi realizada no Gabinete do Prefeito Tide Balzanelo para traçar planos para o combate à Dengue. No local estavam Enfermeiras, Secretário da Saúde Ilto de Souza, a Diretora do Departamento de Administração e Assessoramento do Sermusa, Sra. Fabiana Trevisan, Diretora da Atenção a Saúde, Sra. Valdinete da Silva,
coordenadora de Endemias do Município Sra. Rosana.

Tags

Artigos relacionados

1 pensou em “Sertanópolis em situação de alerta para o mosquito da dengue”

  1. Já passou da hora de a prefeitura começar a fazer alguma coisa. No fundo da minha casa mesmo tem 2 lotes vazios com pelo menos 3 vasos sanitarios ao ar livre e muito mais entulhos, que ja foram feitas várias denuncias e ninguem faz nada. Ja esta na hora de tomar alguma providencia realmente eficaz. Tem que doer no bolso senão não vai resover nunca.

Deixe uma resposta

Fechar