Em Sertanópolis PR; Coordenadora de endemias alerta sobre o mosquito transmissor da dengue

0
489

Após Levantamento do LIRA – Levantamento Rápido de índice foi constatado que o Município de Sertanópolis está 2 vezes acima do que é preconizado pelo Ministério da Saúde. Os dados foram repassados pela coordenadora de Endemias do Município Sra. Rosana.

A prevenção é a única arma contra a doença.

A coordenadora explica que a melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.

Ela pede também para que tenham atenção nos recipientes de água dos animais, pois foram encontrados números excessivos de larvas.

Combater o Aedes aegypti evita que a febre Amarela seja transmitida em área Urbana

O combate é uma estratégia importante para se evitar a contaminação da febre amarela urbana. O Aedes aegypti pode transmitir a infecção. Por isso, é essencial extinguir focos do mosquito.

 

 

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA